Abstract

abstract:

In this article I outline the geographical and political problems associated with the terms Hispanic and Latino. To this end, I offer a four-tiered framework to help address these problems. Ultimately, I illustrate how these terms stem from (mis)perceptions deeply ingrained in academic and political imageries of Latin American populations. I discuss how these panethnic terms relate to a geographical predicament, and claim that their myopic perception in the academy feeds itself as much as it feeds U.S. policies. A plea is made here for the demythologization of a continent that is viewed as exclusively Spanish-speaking with an exclusive colonial heritage tied to Spain. My goal is to show how these views have continued to perpetuate powerful, intuitive yet deceptive representations of Latin America. I conclude that it behooves geographers and scholars to re-think, contest, and ultimately revise the interpretation and navigation of the terms Hispanic/Latino as they have been taken for granted.

resumo:

Neste artigo, esquematizo os problemas geográficos e políticos associados com os termos hispânico/latino Para isso, ofereço uma estrutura de quatro níveis para ajudar a resolver esses problemas. Em última análise, ilustro como as percepções das populações latino-americanas decorrentes desses termos estão profundamente enraizadas nas imagens acadêmicas e políticas. Discuto como esses termos pan-étnicos se relacionam com uma situação geográfica e alegam que a perpetuação míope dentro da academia alimenta-se tanto quanto alimenta as políticas dos EUA. Um apelo é feito aqui para a desmitologização de um continente que é visto exclusivamente como de língua espanhola, com uma herança colonial exclusiva ligada à Espanha, e mostrar como essas percepções sustentam poderosas interpretações intuitivas, ainda que imprecisas, da América Latina. Concluo que cabe aos geógrafos e estudiosos repensar, contestar e, em última instância, revisar a interpretação e navegação dos termos hispânico/latino, como foram tomados como garantidos. Proponho e convido futuras e novas geografias para abordar cuidadosamente essa situação.

pdf

Additional Information

ISSN
1548-5811
Print ISSN
1545-2476
Pages
pp. 170-190
Launched on MUSE
2020-03-28
Open Access
No
Back To Top

This website uses cookies to ensure you get the best experience on our website. Without cookies your experience may not be seamless.